facebook pixel

Entrar

Cadastre-se

Um link para definir uma nova senha será enviado para seu endereço de e-mail.

Seus dados pessoais serão usados para aprimorar a sua experiência em todo este site, para gerenciar o acesso a sua conta e para outros propósitos, como descritos em nossa política de privacidade

Saber meu tamanho de anel

Como energizar seu cristal? Descubra

Todo cristal e toda pedra energética precisa de cuidados para que se mantenham energizados. Para isso, é preciso limpá-los periodicamente ou então quando achar necessário.

Fazer a limpeza do seu cristal é importante pois ele está o tempo todo em contato com vários tipos de energia. Dessa forma, suas propriedades podem ser desestabilizadas, diminuindo seu poder de cura espiritual.

Abaixo, apresentamos alguns métodos e explicamos como aplicá-los em suas pedras. Lembre-se de que cada pedra exige um cuidado diferente. Além do mais, procure se informar se sua joia pode ser submetida a esses procedimentos.

Realizando a limpeza

Ao adquirir um cristal energético, é importante limpá-lo logo de cara. Afinal, pense no trajeto que a pedra percorreu para chegar até você. Nesse percurso, ela absorveu toda sorte de energia, desequilibrando-a. Além disso, ela pode ter acumulado sujeira física em seu translado.

Portanto, ao adquirir sua pedra bruta, limpe-a com uma flanela para remover camadas de poeira e outras sujeiras. Pode-se ainda lavá-la com água e sabão neutro, secando-a em seguida com uma toalha ou deixando-a sob o sol.

Porém, atente-se ao tipo de pedra que você adquiriu. Existem algumas que não podem entrar em contato com a água e que precisam ser limpas apenas a seco. Isso ocorre especialmente no caso de joias, que podem perder seu brilho se forem molhadas.

Água corrente

Esse é um dos métodos mais simples de realizar a limpeza. Para isso, você deverá colocar o seu cristal em um saquinho de algodão como o que em enviamos as suas joias. Em seguida, deixe-o submerso por alguns minutos na água natural.

Caso você não tenha um saquinho de algodão, ainda é possível deixar a pedra debaixo da água corrente. Evite longa exposição. Afinal, tudo em excesso faz mal.

Atente-se! Como já dissemos anteriormente, alguns cristais não podem entrar em contato com a água. Eis alguns deles: pirita, turmalina negra, lápis-lazuli, turquesa e cianita. Isso poderá danificá-los, fazendo com que percam tanto o brilho quanto suas propriedades.

Sal grosso

A limpeza com sal grosso também é bastante utilizada. Evite sal marinho. Utilizá-lo poderá danificar seus minerais.

Para fazer a limpeza, pegue um recipiente (pode ser um bowl de vidro ou de cerâmica) e adicione de um a dois dedos de sal grosso. Em seguida, coloque seus cristais dentro do recipiente. Por fim, despeje água em cima das pedras. Deixe-as de 4h até 10h no recipiente, dependendo da necessidade.

Após a imersão, limpe-os com água corrente e deixe-os secar à luz do luar ou então do sol.

Novamente, tome cuidado com suas pedras! Além das mencionadas anteriormente, existe outras que não podem entrar em contato com o sal grosso. Entre elas: âmbar, azurita, topázio, opala e pedra da lua.

Energizando seu cristal

Após a limpeza, é chegado o momento de energizar seus cristais. Assim como a anterior, esta etapa do processo de energização é muito importante. É ela que irá ativar todas as propriedades energéticas do cristal. A limpeza apenas abre os caminhos para que isso aconteça. 

Energização solar e lunar

Esse é o método mais comum e conhecido. A energização com o sol deve ser feita no período da manhã. Nesse período, o sol não é tão forte. Atente-se ao horário! O sol do meio-dia pode sobrecarregar seu cristal, além de danificá-lo.

Alguns minerais são mais frágeis do que outros. Como no caso da limpeza com a água, existem aqueles que não podem ser expostos ao sol. Algumas das pedras são: ametista, lápis-lazuli, quartzo rosa, turmalina e citrino.

Para essas pedras, indica-se a energização sob a luz do luar. Sua energia diferencia-se da solar, sendo mais delicada. Contudo, ela é excelente para energizar seus cristais. Deixe-os expostos durante a noite nos períodos de lua crescente ou cheia. 

Energize seu cristal com a terra

Além dos métodos anteriormente mencionados, você pode ainda usar a terra como catalisador de energias. Para quem tem jardim em casa ou então plantas, este é um ótimo meio de energização. Afinal, a terra é um elemento altamente energético.

Para isso, você deverá colocar seu cristal sobre uma superfície com terra. Ou então deixe-o enterrado. Esse método é um dos mais extensos, demandando pelo menos um dia inteiro de energização. Porém, é ótimo para pedras que não podem entrar em contato com a luz solar ou com água.

Feito todo o processo, limpe os resíduos da terra com uma escovinha que ficaram em seu cristal.

Joias Plume

Tags:
Compartilhar
Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Telegram
Email

Conteúdos pra você

X
Abrir conversa
1
Olá, tudo bom?
Qualquer dúvida, fique à vontade para me chamar aqui.